,

10 dicas para um relacionamento feliz

10 dicas para um relacionamento feliz

Há quem pense que um relacionamento feliz deveria vir naturalmente com a pessoa certa, ou que existe fórmula mágica. Mas a verdade é que relações felizes precisam de esforço para serem construídas e mantidas assim.

Para ajudar você a ser feliz com seu relacionamento, separamos dez dicas que mostram como pequenos hábitos e exercícios práticos podem transformar sua vida de casal para melhor.

1. Experimentem coisas novas juntos

Uma das coisas mais gostosas em um relacionamento é dividir rituais, como ficar na cama até tarde de fim de semana, comer no restaurante preferido ou assistir TV de domingo. Mas ficar confortável com a rotina pode gerar tédio e colocar a relação em risco.

Está comprovado que casais que quebram a rotina são mais felizes em seu relacionamento. Além disso, as emoção são bem próximas com as de quando se apaixonaram.

A dica é criar uma lista de novos lugares e atividades que gostariam de experimentar juntos. Estipule metas, como cumprir uma tarefa por semana. Deixa a lista visível para os dois verem o progresso e comemorarem juntos.

2. Valorize as boas risadas

Além de fazer bem para a saúde, o riso é uma grande contribuição para um relacionamento leve e feliz. Ele restaura um clima emocional positivo e cria um senso de conexão entre o casal. Afinal, quem não gosta de uma boa risada?

Apesar de o humor estar presente em todo o lugar, estudos revelam que, na verdade, a melhor risada é aquela que vem “de dentro”.

Sabe aquelas crises de riso que vocês tiveram ao escapar um pensamento em voz alta, ao ver o lado positivo de algo que deu errado ou ao brincar de fazer cócegas? A dica é deixar um pouco de lado a rigidez que vestimos diariamente na vida adulta e simplesmente se divertir mais.

3. Não discuta quem está certo ou errado

Dizer “eu estou certo e você errado” tira do casal a habilidade de se conectar. Ganhar argumentos no curto prazo com essa mentalidade pode significar um relacionamento menos feliz no futuro.

Quando casais discordam, frequentemente o motivo real não é quem está certo ou errado, mas sim a dificuldade em perceber o ponto de vista do outro. Nessa hora, a empatia ajuda a trabalhar assuntos mal resolvidos de forma mais aberta, flexível e com compaixão.

Por isso, pratique olhar os obstáculos para além de si e se coloque na pele do outro. Enquanto a culpa e a raiva só afastam seu parceiro, a empatia é um convite ao desarmamento e um passo para a compreensão.

4. Mostre gratidão

Quem não gosta de se sentir apreciado? Sabemos o quanto é bom, mas esquecemos de demonstrar. Segundo pesquisas, reconhecer e agradecer diariamente faz das relações mais felizes.

Mostre o quanto seu companheiro é apreciado. Expresse gratidão por tudo o que ele faz por você, como ouvir sobre seu dia, ajudar nas tarefas de casa ou ficar ao seu lado em dias ruins. Lembre-o das características que mais ama nele, seja inteligência, carisma ou sorriso. Encontre gratidão nas coisas mais simples.

Se for difícil começar, qual tal manter um diário de gratidão? Liste uma por dia e, com o tempo, será um hábito expressar o quanto você é grata. Sem contar que ele, “contagiado”, passará a ser grato por você também.

5. Não tente mudar o outro

O estudo Choice Theory (Teoria da Escolha, em tradução literal), de William Glasser, ensina que a chave para a mudança é aceitar integralmente que você não poderá mudar ninguém, a não ser você mesmo.

Em um relacionamento, o pensamento ideal é de que ambos devem se amar e se aceitarem como são. É preciso entender que a mudança só funciona se partir de si próprio. Por isso, seu parceiro só escolheria mudar quando sentisse que você não está envergonhada, desapontada ou frustrada com ele. Assim, esse apoio traria segurança para que buscasse qualquer direção, até mesmo mudar.

Isso nos ensina que a motivação para mudar deve vir de dentro. O que move esse comportamento são noções e sentimentos que são importantes para cada um. E, para um casal, significa se sentir amado, aceito e seguro.

6. Diga mais obrigado e menos desculpa

Admitir a culpa, mostrar-se vulnerável e fazer um pedido de desculpa sincero pode ser muito difícil. Porém, quando a desculpa sai fácil e é frequente, claramente virou um hábito. Isso banaliza o perdão e tira o peso das situações que importam.

Se esse é o caso, em vez de pedir tantas desculpas, que tal começar a agradecer seu parceiro por lhe aguentar e ficar ao seu lado, mesmo com suas imperfeições?

Casais felizes com seu relacionamento tendem a focar mais nos aspectos positivos do que nos negativos. Assim, gastam menos energia apontando falhas um no outro e mais agradecendo por se aceitarem e estarem juntos. Afinal, ninguém é perfeito!

7. Comemore as boas notícias

Casais que comemoram boas notícias acreditam que seu parceiro ou parceira também darão apoio durante as más. Essa sensação de segurança aumenta a intimidade emocional, a confiança e a felicidade na relação.

Além de ser mais fácil comemorar do que consolar, eventos positivos tendem a acontecer mais do que os negativos. Há muitas oportunidades para transformar tanto pequenos sucessos quanto grandes vitórias em momentos especiais.

Por isso, em vez de ignorar ou criticar, a resposta ideal para uma boa notícia é ser é mostrar entusiasmo, ouvir carinhosamente, fazer perguntas e ter interesse nas realizações do outro. Isso irá ajudá-los a se sentirem apreciados e comprometidos.

8. Tentem ir para cama no mesmo horário

Casais que vão para cama em horários diferentes são menos felizes em seus relacionamentos do que aqueles que vão juntos. Segundo estudo publicado na Psychosomatic Medicine, essa simples diferença diminui as atividades compartilhadas, as conversas mais séries e a frequência do sexo. Além disso, o nível de conflito entre o casal é maior.

Se vocês vão para cama em horários diferentes, antes de mudar esse hábito, a dica é pensar o quanto isso afetaria as responsabilidades de cada um. Mudar um padrão de sono pode gerar estresse e frustração. Por isso, comece devagar.

A importância de dormir no mesmo horário não se resume apenas ao sono, mas também à intimidade e o tempo que passam juntos na cama. Por isso, planeje para que esse momento possa acontecer algumas vezes na semana.

9. Beije mais

Segundo pesquisa, as mulheres gostam mais de beijar do que os homens. Por questões fisiológicas, elas podem sentir com um só beijo se querem terminar. Isso porque a mulher é mais sensível às químicas cerebrais liberadas pelo beijo, como a ocitocina, responsável por fazer casais se sentirem íntimos e criarem laços mais fortes.

Para manter seu relacionamento feliz, é preciso lembrar-se do quão importante é o beijo. Além da atração física, beijar traz segurança, alivia o estresse e ainda ajuda a resolver problemas.

Ignore a pressa e substitua o selinho por um beijo longo pelo menos uma vez ao dia. Não precisam de motivos, apenas aproveitem o momento para se aproximarem.

10. Malhem juntos

Você sabia que fazer atividade física pode beneficiar não apenas sua saúde e bem estar, mas também seu relacionamento? Em vez de ir à academia sozinha, convide seu parceiro para ir com você!

Malhar junto ajuda a aumentar a felicidade do seu relacionamento. Se exercitar é o exemplo de atividade revigorante que gera efeitos positivos como energia, satisfação e relaxamento.

Steven Anthony, psicologo, life coach e terapeuta Dicas escritas por Steven Anthony, Life Coach, Psicólogo e Terapeuta da Life Terapias (Guarujá, SP).

Artigo original: www.lifeterapias.com.br