, ,

10 maneiras de aumentar sua autoestima

Mudar a autoestima

10 maneiras de aumentar sua autoestima

Nada é mais importante do que aquilo que você pensa sobre si mesmo. A boa autoestima muda a forma como você enxerga o mundo e lida com seus problemas no dia a dia, além de ser sinônimo de autoconfiança. Se você possui baixa autoestima et quer sentir-se… irresistível, veja as nossas 10 dicas.

1. Pare de se comparar com os outros

Comparação é sinal de baixa autoestima. Quem se compara aos outros, vive num estado de temor e inibição imposto por aqueles que lhe são superiores. É importante entender que ser perfeito é ser autêntico, espontâneo, verdadeiro e natural. É aceitar suas limitações, não se comparando com ninguém. O melhor que você pode dar ao mundo, à natureza, é a autenticidade.

E se você acha que o outro é melhor, está sempre se comparando a alguém, não se aceita, se desvaloriza, você está negando esta autenticidade

2. Dê prioridade às suas necessidades

Um dos principais requisitos para adquirir uma personalidade autoconfiante é satisfazer primeiro as próprias necessidades. Não é tarefa sua ajudar os outros para depois ajudar você mesmo, ainda que as pessoas insistam em dizer isso.

Muitas pessoas usam a ideia de servir aos outros como forma de escapar à responsabilidade de mudar a própria vida. Você não pode mudar o mundo, mas pode mudar você mesmo.

3. Aprenda a perdoar as outras pessoas

Dicas para aumentar a autoestima

Uma das maneiras de se amar é perdoar a si mesmo, e perdoar também as outras pessoas. O perdão abre uma porta de entrada para o amor, prosperidade, abundância. É preciso transcender as mágoas, e todos os ressentimentos. Aprenda a perdoar, a transcender, desenvolvendo a tolerância, a paciência, a aceitação, a confiança em você mesmo.

Fazer uma boa ação também ajuda a aumentar a autoestima, pois ajudar alguém que precisa nos dá orgulho e satisfação, o que interfere positiva e automaticamente em nosso autoconceito;.

4. Lembre-se de todas as coisas que você já alcançou

Isso pode ser meio difícil no início, mas depois de um tempo, você vai desenvolver uma lista mental útil de memórias de reforço da autoestima. E, se você está pensando que nunca conseguiu ganhar nada, não precisa ser nenhuma conquista enorme, mas coisas como passar no exame para tirar carta de motorista (apesar de estar nervoso), tirar notas altas em provas (apesar de duvidar que você conseguiria), jogar algum esporte de equipe, ficar em forma (mesmo que você tenha relaxado mais tarde), poupar dinheiro para alguma coisa, tentar ajudar alguém (mesmo que não tenha funcionado), e assim por diante.

Considere escrevê-las, para que você possa avaliar e refletir quando você estiver se sentindo para baixo e precisar renovar sua confiança.

5. Valorize as suas virtudes e aspectos positivos

Você é generoso? Meigo? Anote pelo menos dez qualidades positivas sobre si mesmo e volte a reler esta lista quantas vezes forem necessárias para aumentar a sua moral. Ao invés de pensar em todos seus defeitos, pense em todas suas virtudes.

Reforce os aspectos positivos e trabalhe os aspectos que considerar negativos. Seja amoroso e gentil com você mesmo parando de se criticar, parando de se comparar, parando de se diminuir. Em vez disso, valorize-se. Reconheça seu próprio valor.

6. Aceite-se como você é

Como ter mais confiança

 

Coloque em sua cabeça que ninguém é perfeito e que todo mundo comete falhas. As suas não são as piores, são as falhas que muitas pessoas já cometeram e irão cometer. Entenda que errar faz parte da vida, não interprete o erro como uma falha, e sim como uma oportunidade de aprendizado, e da próxima vez tente fazer do jeito certo.

Seja tolerante com você, tenha paciência, pare de exigir de você o que está além de seus limites. Aceitação é aprender a se amar, se respeitar, ser bondoso e gentil com você mesmo. Ao aceitar-se, você abre espaço para transformações. Você começa a fazer as pazes com você e com sua própria mente.

7. Pare de desejar que os outros o amem

Se o item “procurar alguém que me ame” é o número um do seu programa, você com certeza voltará desapontado para casa. O amor que você procura só pode começar com uma boa dose de amor de você para você mesmo. Se você não se ama, não tem a mínima possibilidade de encontrar esse amor em outra pessoa.

Depois que você conseguir gerar e irradiar amor em todas as direções, então o mundo devolverá amor por você. Lembre-se de outra coisa, você não poderá jamais dar seu amor a outra pessoa. O máximo que conseguirá será amá-la. O ato de estar amando significa também estar aprendendo a amar sua própria mente, pensamentos, corpo, vida, etc.

8. Aja de forma positiva

Mais do que apenas pensar positivo, você precisa colocar seus pensamentos em prática. Ação é a chave para o desenvolvimento da autoconfiança. Uma coisa é aprender a pensar positivo, mas quando você começa a agir, você muda a si mesmo. Você é o que você faz, e por isso, se você mudar o que você faz, você muda o que você é.

Agir de uma forma positiva, em vez de dizer a si mesmo que não consegue, é positivo. Converse com as pessoas de uma forma positiva, coloque energia em suas ações. Em breve, você vai começar a notar a diferença. As pessoas positivas fazem as outras pessoas sentirem-se bem consigo mesmas, promovendo o bom humor. Além disso, uma atitude positiva é um indicador de autoconfiança, uma qualidade pela qual todo nós nos sentimos atraídos.

9. Tente algo novo

Como melhorar a autoestima

Quando você tenta realizar algo novo, quando desafia a si mesmo e sai de sua zona de conforto, sua opinião sobre si mesmo melhora. Você pode não ter feito tudo de uma maneira fantástica, mas você pelo menos tentou, em vez de sentar-se e não fazer nada, e isso é algo que pode ajudá-lo a aumentar a sua autoestima.

Procure sair da sua zona de conforto regularmente. Não espere pelo melhor momento, apenas diga a si mesmo que vai tentar alguma coisa. Mesmo que esteja se sentindo com medo ou desconfortável, não se deixe abater. Dê um pequeno passo à frente, e coloque-se em movimento, na direção daquilo que deseja.

10. Pratique exercícios físicos

Ninguém é mais consciente de sua aparência física do que você. Quando você não parece bem, isso muda sua postura e sua forma de interagir com outras pessoas. A aptidão física tem um efeito enorme na autoestima. Se você estiver fora de forma, vai se sentir inseguro e pouco atraente.

Ao fazer exercícios, você melhora a sua aparência física e faz algo construtivo com o seu tempo. Você não precisa ser um atleta, tudo o que precisa fazer é dar uma caminhada algumas vezes por semana, e verá os benefícios. Comece devagar até que se torne um hábito.

Steven Anthony, psicologo, life coach e terapeuta Dicas escritas por Steven Anthony, Life Coach, Psicólogo e Terapeuta da Life Terapias (Guarujá, SP).

Artigo original: www.lifeterapias.com.br